Rádio Estação Reggae o Melhor do Reggae do Maranhão: História

História

O que é o Reggae ?
O Reggae é um gênero musical que tem suas origens na Jamaica. O auge do reggae ocorreu na década de 1970, quando este gênero espalhou-se pelo mundo. É uma mistura de vários estilos e gêneros musicais: música folclórica da Jamaica, ritmos africanos, ska e calipso. Apresenta um ritmo dançante e suave, porém com uma batida bem característica. A guitarra, o contrabaixo e a bateria são os instrumentos musicais mais utilizados.
As letras das músicas de reggae falam de questões sociais, principalmente dos jamaicanos, além de destacar assuntos religiosos e problemas típicos de países pobres.
O reggae recebeu, em suas origens, uma forte influência do movimento rastafari, que defende a idéia de que os afrodescendentes devem ascender e superar sua situação através do engajamento político e espiritual.
Evolução do Reggae 
Na década de 1950, começam surgir os grandes nomes do reggae como, por exemplo, Delroy Wilson, Bob Andy, Burning Espear e Johnny Osbourne, e as bandas The Wailers, Ethiopians, Desmond Dekker e Skatalites. Nesta época, grande parte das rádios da Jamaica, de propriedade de brancos, se recusavam a tocar reggae. Somente a partir da década de 1970, o reggae toma corpo com cantores que ganham o mundo da música. Jimmy Cliff e Bob Marley tornam o reggae um estilo musical de sucesso no mundo todo. Em 1971, a música I Can See Clear Now de Johnny Nash, assume o topo na parada musical de várias rádios na Inglaterra e Estados Unidos.
Os anos 70 (década de 1970) foi a época dos grandes sucesso do reggae. Várias músicas marcaram época e alcançaram o topo na lista de sucesso das rádios: I Shot the Sheriff (versão de Eric Clapton ), Peter Tosh com Legalize It e No Woman , No Cry de Bob Marley.
Vários cantores e bandas passam a incorporar o estilo reggae a partir dos anos 80 (década de 1980). Eric Clapton, Rolling Stones e Paul Simon fazem músicas, utilizando a batida e a sonoridade dançante e suave. Atualmente, vários cantores e bandas fazem sucesso nesse gênero musical : Ziggy Marley, Beres Hammond, Pulse, UB 40 e Big Mountain.
Reggae no Brasil
Foi na região norte do Brasil que o reggae entrou com mais força. No estado do Maranhão, principalmente na capital São Luís.
São Luís, capital do Maranhão é a cidade brasileira que tem o maior consumo do Reggae Roots,o Reggae de raízes,e por isso foi apelidada de a ´´Jamaica brasileira´´..
São Luís é uma cidade abençoada, de clima místico, manifestações populares, belos azulejos portugueses e muito sol iluminando o litoral. As suas belas praias com extensas faixas de areia oferecem paisagens deslumbrantes e uma preciosa culinária à beira-mar.
Desde o final da década de 70 quando o Reggae invadiu o Maranhão através dos rádios sintonizados em ondas curtas (costume do povo local para poder ouvir os sons que vinham do Caribe) chegando até as Radiolas (verdadeiros paredões em equipamentos de som que agitam as festas até hoje), esse ritmo é um fenômeno que não pára de crescer. Ainda que alguns artistas famosos como Gilberto Gil na época já tocasse um Reggae aqui e outro ali nos shows, na verdade os fãs nem sabiam direito o que era aquilo,tanto que os primeiros discos de Reggae que surgiram em São Luís só se encontravam nas lojas na seção de rock ou algum outro estilo, mas as festas de Reggae no Maranhão já mostravam os sintomas da nova febre. No Maranhão, o Reggae se expandiu de tal forma e as famosas Radiolas cresceram e se tornaram parte da cultura, totalmente enraizada no coração de São Luís. As Radiolas oferecem a disposição da massa regueira toneladas em potências e auto falantes e milhares de watts de potência para uma inesquecível noite de Reggae.
O que é mais fantástico em São Luís certamente são os salões de Reggae. Uma cultura do gueto que aflorou com uma linguagem às vezes rude e às vezes extremamente sensual. A maneira como se dança, se veste, se comporta como se elege um Reggae e o transforma numa “pedra” ou “pedrada” (um reggae irresistível), tudo isso é um mistério meio sem explicação. A magia das festas nos povoados e sítios do interior, debaixo de mangueiras e barracões precários de barro e madeira, a rivalidade dos clubes de Reggae e das Radiolas, tudo isso é um filme que ainda está bem vivo. Se acredita que o maior acervo de Reggae raiz do mundo hoje se encontre no Maranhão, graças à persistência dos Djs, donos de clubes de Reggae e de Radiolas que iam buscar discos na Jamaica, Inglaterra ou aonde tivesse.
Cantores jamaicano´roots´´ como Eric Donaldson,Stanley, Beckford, Honey Boy, Jimmy London, Ken Fyfe, Owen Gray, Joe Higgs são muito escutados e endeuzados na cidade, que também realiza o famoso festival de reggae ´´Maranhão Roots Reggae Festival´´, sempre com presença de muitas feras do reggae jamaicano e cantores maranhenses.



8 comentários:

  1. muito bom ,eu vivi o começo de tudo em são luis pois nasci ouvindo pedras como jimmy cliff,jacob miller entre outros, minha domingueira era praia toque de amor e a noite pop som ou espaço aberto o dj.neturbo ou roberthanco comandavam as noites coma as pedras do vinyl e no espaço o dj era jailder na epoca natonio josé nao era conhecido mas foi bons tempos.

    ResponderExcluir
  2. qual a diferença de reggae roots e reggae power?

    ResponderExcluir
  3. opa eu so daq de belem do para eu sou conhecido pow metal esa radio e de ++++++++++

    ResponderExcluir
  4. Eu gosto muito. Da rádio. Estação. Do reggae...

    ResponderExcluir
  5. era pra tocar tambem reggae roots só toca robosinho nessa pora radio fuleira de pupa pula caralho

    ResponderExcluir
  6. radio otima gostei muito estao de parabens

    ResponderExcluir